Voltar para Notícias
09/08/2019

Fenapef e sindicatos iniciam batalha no Senado em busca de mudanças no projeto de reforma da aposentadoria policial

Após a aprovação nesta quarta-feira (07), em segundo turno na Câmara dos Deputados, da PEC 06 (Reforma da Previdência), a Fenapef e sindicatos filiados iniciaram nova empreitada, desta vez no Senado Federal, em busca de apoio dos parlamentares para alterações no texto aprovado na Câmara, e que, na visão dos representantes sindicais, materializa um imenso retrocesso nas regras atuais de aposentadoria, pensão policial e proteção social dos operadores da segurança pública.

Já nesta quarta-feira, um grupo de policiais federais se reuniu com os senadores Jarbas Vasconcelos (MDB/PE) e Álvaro Dias (PODEMOS/PR), oportunidade na qual foram colocados todos os pontos que precisam ser ajustados no Senado, em especial a necessidade de uma regra de transição que beneficie aqueles servidores que estão mais próximos da aposentadoria, principalmente as mulheres policiais, que, de acordo com as regras aprovadas na Câmara, terão que cumprir pedágios de 700%, 800% e em alguns casos superiores a 1000%.

Um minucioso ofício foi entregue aos senadores, acompanhado das principais demandas e de casos concretos que comprovam as grandes distorções criadas pela proposta aprovada na Câmara.

Para o Presidente em exercício da Fenapef, Luiz Carlos Cavalcante, são grandes as injustiças criadas pela proposta oriunda do Governo e da Câmara. “Estamos iniciando um novo processo de convencimento e diálogo com o Senado Federal, casa legislativa revisora da mais alta importância, mostrando os graves erros desta proposta, erros assumidos publicamente pelo próprio Presidente da República, e vamos trabalhar duro para que o Senado promova os ajustes necessários”.

As reuniões contaram com a presença do Presidente em exercício da Fenapef Luiz Carlos Cavalcante, do Diretor Parlamentar da Federação e Presidente do Sinpef/ES Marcos Firme, do Presidente do Sinpef/MG Alvimar Pires, do Presidente do Sinpef/PE Marco Casemiro, da Presidente do Sinpef/PR Bibiana Orsi, e dos policiais federais Fabíola Simões e Francisco de Assis.

Fonte: Ascom Fenapef