Voltar para Notícias
25/11/2019

AGE aprova alteração estatutária que inclui Diretoria da Mulher

Depois de três dias de intensos debates e deliberações, terminou nesta quinta-feira (22), a Assembleia Geral Extraordinária (AGE), que reuniu representantes dos sindicatos filiados à Federação Nacional de Policiais Federais (Fenapef). O vice-presidente, Luiz Carlos Cavalcante, que presidiu os trabalhos, destacou entre os temas mais importantes em foco, os projetos em tramitação no Congresso Nacional que são do interesse ou de autoria da categoria.

“Tratamos da Proposta de Emenda Constitucional 168/2019, que institui a carreira com entrada única e o ciclo completo de polícia. Também debatemos a reforma do Código de Processo Penal (CPP), que diz respeito ao modelo de investigação brasileiro”, enumerou.

Sobre o CPP, o entendimento da Fenapef é de que o projeto que está em discussão torna ainda pior um modelo que já é muito ruim. “Vamos combater esse relatório e, de forma propositiva, vamos trabalhar para melhorar esse relatório e fazer com que, na parte pré-processual – onde estão inseridos o inquérito e a investigação criminal, o modelo policial brasileiro possa avançar e se equipare às polícias mais modernas do mundo”, detalhou.

No último dia de debates, o foco foram as mudanças no estatuto da Federação. Foi aprovado o texto que inseriu no estatuto a Diretoria da Mulher. “Essa diretoria fará jus à grande importância feminina para a PF e trará uma representação muito grande da mulher para dentro da Federação, para que as suas lutas possam ser ainda mais alavancadas”, assegurou o vice-presidente.
Ainda nesta quinta-feira, ocorrereu a comemoração oficial pelo Dia do Policial Federal (a data do calendário é dia 16 de novembro). Alguns policiais que se destacaram em trabalhos heróicos, como o resgate das vítimas do rompimento da barragem em Brumadinho (MG) foram homenageados. Parlamentares que se empenharam na defesa da categoria também receberam a medalha de honra Alberto Cascais Meleiro. Ainda durante a cerimônia foram conhecidos os vencedores do Prêmio Policiais Federais de Jornalismo. Em parceria com o Sindicato dos Policiais Federais do Distrito Federal, foram reconhecidos os profissionais da imprensa que realizaram coberturas relevantes de temas ligados à segurança pública no ano de 2019.